.
Contacto |  Iniciar |  Impressum |  Google Translator:      
BIOGRAFIA " Do Deputado Dr. Jaka Jamba "
BIOGRAFIA
Do Deputado Dr. Jaka Jamba

O deputado Dr. Almerindo Jaka Jamba nasceu na Missão Evangélica do Dondi, Katchiungo, Huambo, no dia 21 de Março de 1949, filho de Tavares Hungulo Jamba e de Ruth Beatriz Jamba.

Formação académica básica

Iniciou os seus estudos na Escola Primária de Cachilengue, Katchiungo, e completou-os num Colégio Privado do Chinguar, Huambo.

Começou os estudos secundários no Colégio Teresiano de Nossa Senhora de Fátima na então Bela Vista, actual Katchiungo (Província do Huambo); prosseguiu-os no Instituto Currie da Missão Evangélica do Dondi; e terminou-os no Liceu Nacional Norton de Matos (Huambo).

Após os estudos secundários, seguiu para Portugal a fim de prosseguir a sua formação académica.

Estudos universitários

Em Portugal, fez a sua licenciatura em Filosofia e a agregação em Ciências Pedagógicas na Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa. Para fugir ao ambiente de repressão protagonizado pelo então regime colonial fascista de Portugal, refugiou-se na Suíça.

Fez a pós-graduação em Filosofia e um Certificado do Curso de Língua e Civilização Francesas na Faculdade de Letras da Universidade de Genebra (Suíça).

Obteve o diploma do Programa Internacional Avançado sobre Resolução de Conflitos na Universidade de Uppsala (Suécia).

Tem mestrado do 3º Ciclo de Estudos Diplomáticos Superiores pelo Instituto de Altos Estudos Internacionais de Paris (França).

Carreira profissional

1970: Professor de Filosofia no Liceu Nacional de Oeiras (Portugal)
1975: Secretário de Estado da Informação do Governo de Transição de Angola
1976-1991: Professor de História no Liceu da Jamba e em várias outras localidades por onde passou durante a guerra.

A partir de 2009, leccionou as seguintes cadeiras:
1. Na Faculdade de Ciências Sociais da Universidade Agostinho Neto (UAN):
 Introdução à Filosofia
 Lógica

2. Na Faculdade de Letras da UAN
 Filosofia Africana I
 Filosofia Africana II

 Filosofia política

 História de Ideias Angolanas

3. No Instituto Superior de Ciências Sociais e Relações Internacionais (CIS), de Luanda.
 África no Actual Sistema Internacional
 Angola no Actual Sistema Internacional

 Diplomacia

No CIS, o Dr. Jaka Jamba era Coordenador do Curso de Sociologia; e Coordenador do Curso de Relações Internacionais, Direito e Ciência Política. Nessa Instituição, foi também Assessor da Direcção Geral para a Área de Avaliação, Normalização e Controle Institucional.

Participação em Conferências e Reuniões Científicas Internacionais
Em relação a este tópico, destaca-se:

• 19-10 JUN 2000: Conference on Time for Renewed International Commitment to Peace in Angola – Lessons learnt and Ways Forward; Maputo, Moçambique.

• 10-12 NOV 2002: Conferência das Comunidades Democráticas; Seoul, República da Coreia.
• 26-27 NOV 2003: Prevenção e Gestão de Conflitos Eleitorais na Região da SADC; Universidade Católica de Angola; Luanda.

• 3-5 SET 2004: 2º Encontro Internacional das Tradições Afro-Brasileiras; São Paulo, Brasil.
• 12-14 MAI 2005: Conferência Internacional Sobre Património Mundial de Arquitectura; Viena; Áustria.
• 2-3 JUN 2005: Colóquio Reconstrução de Angola na Fase Actual – Novas Perspectivas; Paris, França.


• 10-17 JUN 2005: Conferência Internacional do Comité do Património Mundial; Durban, África do Sul.

• 14-15 SET 2005: Colóquio Angola: Línguas Nacionais e Identidade Cultural; Universidade de São Petersburgo, Rússia.

Publicações, conferências e palestras

Estudos e Comunicações sobre Filosofia, Cultura, Património Cultural e Línguas africanas em Angola:
• Le divertissement chez Pascal: Tese de dissertação de pós-graduação apresentada na Universidade de Genebra (Suíça); 1974

• Nation building in plural societies – The Angola case: Dissertação apresentada na Universidade de Uppsala (Suécia)

• Contribuição para o debate sobre a dignificação das línguas africanas em Angola: Comunicação feita no Centro Cultural Kilamba em Luanda; 2004

• Identidade Cultural Angolana, Hoje – Inquietações e Desafios: Comunicação feita no 2º encontro Internacional das Tradições Afro-Brasileiras; S. Paulo, Brasil; 2-5 Setembro 2004

• Línguas africanas e identidade nacional: Comunicação feita no Colóquio “Angola: Línguas Nacionais e Identidade Cultural”; Universidade de S. Petersburgo, Rússia

• China/Estados Unidos da América: Confrontação ou Cooperação? Dissertação apresentada na Escola de Altos

Estudos Internacionais em Paris

• Que contributos pode dar a filosofia a uma governação mais humana no Mundo? Comunicação feita no Dia Mundial da Filosofia; Istambul (Turquia); 23 Novembro 2007

Carreira política

1972: Para escapar do regime colonial fascista então vigente, abandona Portugal e filia-se na União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), militando na Secção da Juventude da UNITA na Suíça.

1975, 10 a 15 de Janeiro: é membro da equipa da UNITA às negociações entre os 3 movimentos de libertação (FNLA, MPLA e UNITA) e o Governo Português, de que resultaram os Acordos do Alvor, que determinavam as condições para a independência de Angola.

1975: Secretário de Estado da Informação no Governo de Transição de Angola.
1976: Com o início de uma nova guerra, retirou-se das cidades para as matas da resistência da UNITA e incorporou-se nas FALA. No fim da guerra atingiu a patente de Brigadeiro.

1977-1991: Exerceu várias funções durante a guerra, destacando-se as seguintes na UNITA: Secretário dos Negócios Estrangeiros, Secretário da Educação, Secretário para a Informação e Secretário da Cultura e Herança Africana. Acompanhou vários jornalistas às frentes de combate.

1992: Eleito Deputado pela UNITA ao Parlamento angolano.

1997: Eleito Vice-Presidente da Comissão dos Negócios Estrangeiros do Parlamento angolano.
2000: Eleito Vice-Presidente da Assembleia Nacional angolana.

2004: Nomeado Embaixador Delegado Permanente da República de Angola Junto da UNESCO.
2008 e 2017: reeleito deputado à Assembleia Nacional. Nesta presente legislatura (2017-2022), era membro da Comissão da Saúde, Educação, Ensino Superior e Ciência e Tecnologia, também conhecida por VI Comissão da Assembleia Nacional.

O Dr. Jaka Jamba era membro do Comité Permanente da Comissão Política da UNITA.

Vida social

O Dr. Jaka Jamba era uma pessoa de boas relações com todos aqueles que o contactavam. Prezava muito a cultura africana.

Era membro dedicado da Igreja Evangélica Congregacional de Angola (IECA), desde a sua infância.
Falava e escrevia 6 línguas: português, francês, inglês, umbundu, tchokwe e nhemba.
O Dr. Jaka Jamba deixa viúva a senhora Miraldina Olga Jamba, 5 filhos e 8 netos. Tinha 69 anos de idade.

Honra e glória ao grande nacionalista, filósofo, historiador, político, diplomata e académico angolano.
Paz à sua alma.

Luanda, 4 de Abril de 2018

O Secretariado Executivo do Comité Permanente da Comissão Política da UNITA
Deixar um comentário
Ponto-final reserva a si o direito de não publicação de comentários que firam os principios da boa convivência .

Que envolvam calúnia , ofensa , multiplicidade de nomes para o mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal.

Somos um espaço público e colectivo , apelamos ao respeito para bem estar de todos nós.





Ponto-Final.net