.
Contacto |  Iniciar |  Impressum |  Google Translator:      
Vamos todos ter que ser radicais no combate à corrupção, ao desperdício, a ineficiência, ao subdesenvolvimento , as injustiças e contra esta corja de criminosos
Bom dia Angola.
Hoje o Eng. Adalberto da Costa Júnior foi questionado pelo José Rodrigues da LAC se ele considera-se uma pessoa radical, esta questão em tom de acusação é recorrente em Angola, sobretudo aos quadros competentes.

A acusação de radicalismo é o meio que os fracos utilizam para limitar a acção das pessoas convictas e assertivas, esta acusação não ocorre apenas na política, ocorre em todos os espectros da vida, os 38 anos de poder do JES estagnaram o desenvolvimento humano de um segmento pequeno mas influente da sociedade que não muda e não deixa mudar.

Até o próprio João Lourenço está a ser acusado de ser radical, mas o problema é que Angola está tão atrasada no seu desenvolvimento político, administrativo, científico e cultural, que quem tem vontade de realizar trabalho tem que acelerar as reformas, no entanto ainda temos gente nos lugares errados que impendem a mudança de forma rápida e efectiva.

Vamos todos ter que ser radicais no combate à corrupção, ao desperdício, a ineficiência, ao subdesenvolvimento e as injustiças.

Se tiver que ser radical serei .



Por : Humberto Caetano
Deixar um comentário
Ponto-final reserva a si o direito de não publicação de comentários que firam os principios da boa convivência .

Que envolvam calúnia , ofensa , multiplicidade de nomes para o mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal.

Somos um espaço público e colectivo , apelamos ao respeito para bem estar de todos nós.





Ponto-Final.net