.
Contacto |  Iniciar |  Impressum |  Google Translator:      
Seminário de capacitação de líderes da UMULE , comunicado final
Com o objectivo de dotar às líderes da UMULE-União da Mulher Lunda Tchokwe com acções de permanente actualização e aperfeiçoamento de médotos de trabalho e liderança em equipes, no âmbito da luta de autodeterminação da Nação Lunda Tchokwe, realizou-se de 25 á 26 de Fevereiro do ano em curso em Luanda o referido seminário de capacitação.



O seminário foi organizado pelo Secretariado Nacional da UMULE num projecto com a colaboração da Presidência do Movimento do Protectorado Lunda Tchokwe, e, contou com a participação de 26 membros oriundos dos Secretariados Regionais da UMULE.



O seminário teve várias sessões de debates ou paineis:

1.- A Líderança nas Organizações;

2.- Como motivar grupos de trabalho;

3.- Emancipação das mulheres nas Organizações;

4.- Governo, formas de governo e o estado.



Após acaloradas debates durante dois dias, as seminariadas constataram o seguinte:

ü Tomaram conhecimentos profundos sobre as matérias atinentes no projecto, e, recomendaram que mais acções deverão ter lugar;

ü Rafiramaram o seu total engajamento na aplicação escrupulosa nos métodos sobre líderança e demais regras tuteladas por UMULE e o movimento e orgãos intermediários;

ü Recomenda-se na necessidade de haver articulação entre líderes do orgãos feminino do Protectorado e as lideradas de forma cooperativa e outras referentes a luta comum da Autonomia Lunda Tchokwe.

As participantes manifestaram um rigozijo pelo seminário de capacitação, aproveitaram a ocasião, encorajando o Presidente do Movimento do Protectorado José Mateus Zecamutchima e todos os outros membros da Direcção a proseguirem com o esforço na procura de solução de Diálogo com o Governo de Angola para o restabelecimento da almejada autodeterminação Lunda Tchokwe por via de Autonomia como a Escocia no Reino Unido.



Luanda, aos 26 de Fevereiro de 2017.



O Secretariado Nacional da UMULE
Deixar um comentário
Ponto-final reserva a si o direito de não publicação de comentários que firam os principios da boa convivência .

Que envolvam calúnia , ofensa , multiplicidade de nomes para o mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal.

Somos um espaço público e colectivo , apelamos ao respeito para bem estar de todos nós.





Ponto-Final.net